Cuidado com mensagens religiosas e similares, são e-mails rastreadores


A internet é um meio aberto e aberto deve continuar. Mas assim como devemos andar nas ruas com cautela, sobretudo nas horas mortas e no Brasil, precisamos nos acautelar, sem neuras, nas ruas do nosso computador, nesse país chamado internet.


Quem enviou este material é especialista em computação, que passa muito tempo apagando spams dos seus clientes. Suas dicas são o substituto do já saudoso guarda-noturno (que hoje em dia apitam para avisar o ladrão). A partir da próxima linha, o texto está do jeito que recebi:

Nem todos os e-mails enviados são ruins, apenas alguns.

Sugiro que você leia toda esta mensagem até ao último parágrafo.

Eis o que ele escreveu:

1) Sempre que você ler "enviar este email para" 10 "(ou qualquer outro número) de pessoas", "assinar esta petição", "vai ter má sorte","terão boa sorte" ou "algo engraçado aparecerá na a tela depois de enviá-lo " etc pode presumir que o correio tem um cookie que irá acompanhar tanto o seu e-mail como o das pessoas para quem você o reencaminhar.

2) O autor original que lhe enviou o e-mail está ficando uma cópia cada vez que seu e-mail é reenviado. Essas cópias permitem-lhe compilar uma lista de "e-mail ativo", (a quem você reenvia) para enviar spams ou vender essas listas a quem envia spams.

Cuidado com mensagens que dizem "se você tem vergonha de ter fé em Deus, Jesus etc. São mensagens rastreadoras que estão chantageando a sua consciência. Não seja tímido e não se deixe convencer! A essas pessoas não lhes importa como obter a o seu endereço de e-mail ... desde que o obtenha.

Também os e-mails que falam sobre crianças desaparecidas ou crianças com uma doença incurável, "Como você se sentiria se o seu filho?...", ou animais abandonados etc.

Eles também são rastreadores de e-mail.

Ignore-os e não siga o jogo!

3) Quase todos os e-mails que pedem que você adicione o seu nome e o reenvie para seus contatos, são semelhantes às cartas de há anos atrás, em que os entrevistados foram convidados a enviar cartas para uma menina da Flórida que queria quebrar o recorde Guinness por ter recebido o maior número de postais.

4) Esse golpe, como quase todo o correio deste tipo, é uma forma de tele-comerciante obter a validação de endereços de e-mail para ganho pessoal.

Você pode fazer um grande favor para sua família e amigos, se você reenviar ESTA INFORMAÇÃO. Nós estaremos fazendo um serviço real. A recompensa será que, no futuro, nem você nem eles, receberão spams!


Comentários