Avançar para o conteúdo principal

A cada dia um novo truquezinho. No conjunto, PT mostra que é pior do que parece

O pior tipo de plágio é aquele que não sabe que está
 plagiando, se achando muito original....

Não passa um dia sem que se descubra algum truque que os desocupados petistas armam para gerar confusão, disfarçar a Rosemary, enrolar com o pré-sal, fazer de conta que Lula já explicou tudo, fazer de conta que mensaleiro é santo e todos eles, até os que fazem silêncio com muita grana no bolso, são perseguidos politicamente.

Lembram, sem saber, um velho personagem (advogado, Oh! ironia das ironias) atribuído a Molière, o advogado Pathelin (lê-se Patelã):


Diz o personagem logo no começo do diálogo (uma farsa, estilo de comédia): "Ninguém conhece como eu as correntes, as molas, as engrenagens dos processos. Não há quem seja mais experto do que o doutor Pathelin para torcer as leis".

Essa máxima, nestes tempos petistas, parece ser aplicada a tudo o que Lula e comparseiros tocam. De intrigas sobre Joaquim Barbosa a velhas denúncias requentadas como se fossem novas, como se velhas denúncias encobrissem as novíssimas empreitadas golpistas que o PT no governo patrocina e defende.


Ainda que Genoíno morra na cadeia, ele é preso comum. E se passarem a peneira fina nas cidades do Brasil, iria falta cadeia para tantos mensaleiros. É bom que comecem a morrer de caganeira, como parece  ser o caso do Capitão Camisa Rosa.

Morte anunciada ou desejada?

Elio Gaspari escreveu um texto sobre Mussolini e sobre a morte de uma pessoa inocente já na fase final do nazifacismo italiano. 

Ok, entendemos a mensagem, prezado mestre.

Essa aberta e quase orgásmica pré-comemoração de Genoíno padecendo (discutivelmente) seus dias de quase prisão, quase cardíaco, quase heroi, quase gay, quase vítima (e muito claramente culpado), quase inocente por coitadismo desinformado, muito bem, essa manifestação pública é também o sinal do mal represado, das canalhices cometidas em nome do povo, do roubo seguido de roubo com a cara lavada e escondida debaixo da justificação que diz "todo mundo roubou, por que não podemos roubar?".

Brincam com os sentimentos maus e bons do povo e depois não querem levar na cara os mesmos tomates e ovos podres que atiraram no passado? 

Chega de coitadismo de gente que encheu o cu de dinheiro a custa do cidadão brasileiro.


Comentários

Mensagens populares deste blogue

A farsa do pré-sal

Publiquei os textos abaixo há seis anos. Seguem reproduzidos agora por causa da nova formatação do blog que fez sumir as páginas existentes. Publicar agora pode perfeitamente servir de alerta pois já nem se ouve falar em pré-sal quase às vésperas da próxima eleição.
Brasil explora pré-sal desde os anos 50
Novembro de 2011
Texto de Miriam Leitão.

"O Brasil descobriu petróleo no pré-sal nos anos 50 e já o explora há décadas. O que houve agora foi a descoberta de grandes reservas, mas nem todo produto é de boa qualidade. A produção iniciada em Tupi é mínima perto do total extraído no Brasil. Principalmente é falsa a ideia de que o pré-sal é a solução mágica que garante o futuro. O governo faz confusão proposital quando o assunto é petróleo.

Primeira descoberta foi em 1957

A excessiva politização do tema está criando mitos e passando para o país a ideia de que agora ganhamos na loteria, um bilhete premiado, que vai produzir dinheiro abundante que resolverá todos os nossos problemas. Isso …

O Jair que existe e o que não existe

Estou há semanas querendo tocar em assuntos que não são exatamente sobre política, mas sobre comportamento. Infelizmente vivemos uma era onde achar alguma coisa ofende, não concordar com os intelectuais do Projac te exclui de muita coisa e não ser uma samambaia te prejudica com anunciantes. Enfim, foda-se.

Eu quero falar sobre Jair Bolsonaro.
Antes de mais nada, para validar minha opinião com os psicopatas, devo registrar que meu voto no primeiro turno será em João Amoedo. É o candidato que me identifico mais com as idéias e propostas. Ponto final.
Ah mas então você não vota no Bolsonaro? Voto, claro que voto. No segundo turno contra PT, PSDB, Marina, Ciro, Boulos… voto fácil.
E não, não voto cheio de dedos ou vergonha do que vilão que a mídia criou, nem do super-herói que outros esperam.

O Brasil é um garotinho perdido sem identidade, sem coragem e sem noção. Todo garoto assim quer um super herói para ajuda-lo, não um caminho longo para seguir. Jair é o herói de muita gente, como Lula f…

Fala, Bolsonaro. Simplicidade e clareza, a marca do homem que incomoda os corruptos do Brasil