Missão de Bendine pode ser salvar Lula


Somente um calculista extremo poderia usar a própria morte para blindar-se usando as pessoas certas.

Dilma Rousseff surgiu do nada para ser algo que hoje, vemos, é uma blindagem. Ela aceita tudo o que vem de Lula na mesma proporção em que nada pega nele.


Pelo caminho vai ficando como conto de fadas a noção de que Dilma e Lula se distanciaram, romperam, brigaram. Só crê nisso quem leva Marta Suplicy a sério.

O nome de Bendime começa a fazer sentido dentro desse contexto. Com Lula morto, fato que ele já domina como se fosse a morte de outra pessoa, ficaria extinta a punibilidade dele e de terceiros.

Ele só precisa de um pouco mais de tempo.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Levantar a ponta do véu da saúde mostra que a noiva está sem calcinha

O complexo de Édipo na política brasileira

O que o PSDB precisa fazer para ser PSDB?